Polícia prende em São Sepé suspeitos de latrocínio em Caçapava do Sul

 

Numa ação envolvendo policiais de São Sepé e Caçapava do Sul e Santa Maria foram cumpridos mandados de prisão nestes dois municípios contra três indivíduos acusados de um latrocínio ocorrido em janeiro deste ano em Caçapava do Sul. Na oportunidade Cristiano Freitas de Lima, de 40 anos, foi morto à tiros em uma chácara.

Em São Sepé, no bairro Lôndero, foram presos preventivamente dois indivíduos, Gabrielzinho e Pé de Pato e em Caçapava do Sul a polícia cumpre três mandados de busca.

O delegado de Polícia Civil Fabrício De Santis em nota a imprensa informou que a Polícia Civil, por intermédio da delegacia de polícia de Caçapava do Sul, efetuou a manhã de hoje cumprimento de cinco mandados de prisões preventivas e de nove buscas e apreensões nas cidades de Caçapava do Sul e São Sepé, em razão da investigação ao crime de Latrocínio ocorrido em 27 de janeiro deste ano, tendo como vítima um homem de 39 anos, morto a tiros dentro de um “motorhome” de sua propriedade, a qual teve subtraido cheques, dinheiro e uma arma de fogo. Nas residências objeto da busca foram localizados um colete balístico pertencente à Brigada Militar, bem como um simulacro de arma de fogo e uma arma artesanal calibre .22. A operação denominada ‘xeque-mate’ contou com a participação de 26 policiais civis, das cidades de Caçapava do Sul, Cachoeira do Sul, São Sepé e Santana da Boa Vista. Foram presos preventivamente cinco pessoas suspeitas de participação no crime, contando com 18, 20, 30, 31 e 47 anos de idade, sendo que um deles já se encontrava recolhido no presidio de São Sepé em razão de outro delito. Após interrogatório e demais diligências policiais, serão os presos recolhidos ao Presídio Estadual de Caçapava do Sul.

Caçapava do Sul registra primeiro homicídio em 2018

 

 

Em breve mais informações!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close